quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Comunidade universitária seriodense ganha um Plano Diretor para o CERES UFRN

image“Os campi Caicó e Currais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) são outros depois dos últimos quatro anos”, disse a diretora do Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES) aos presentes ao lançamento do Plano Diretor do CERES nas duas cidades, no final da última semana.

Uma das melhorias, segundo Ana Aires Pereira, é o planejamento da ocupação e o uso dos espaços físicos, “prova do avanço da governança da UFRN nesse período nos dois campi do interior”. 

O lançamento ocorreu simultâneo às inaugurações de novos espaços físicos nos dois campi, presididas pela reitora Ângela Maria Paiva Cruz, e foi considerado pela administração central da universidade “um instrumento de ordenamento territorial físico-ambiental dos campi”, para nortear a ocupação de forma planejada.

Publicado em 136 páginas, em cores, pela Editora da UFRN, o Plano Diretor do CERES “é uma síntese do que aprendemos e acumulamos nesses últimos tempos, de forma que esse documento possa colaborar com o trabalho que está por vir aqui no CERES”, declarou Edneide Maria Pinheiro Galvão, docente do CERES Currais Novos.

Finalizado por uma comissão composta por seis profissionais da docência e área técnica, sob a presidência da Professora Virgínia Maria Dantas de Araújo, superintendente de Infraestrutura da UFRN (SIN), o trabalho envolveu a participação da comunidade universitária dos dois campi, e absorveu contribuições de 35 pessoas de diferentes áreas do conhecimento. Ao todo, foram realizadas 45 reuniões pela Comissão de Elaboração e dois anos para ser concluído.

Dos colaboradores, Lourival Andrade Júnior, Sandra Kelly de Araújo e Edneide Maria Pinheiro Galvão, além de Andréa Cristina Santos de Jesus e José Aldecyr Dantas são, respectivamente, das comissões dos campi de Caicó e Currais Novos. 

Novos planos

O Núcleo Avançado de Caicó (NAC) foi criado por meio da Resolução n. 83-CONSUNI, de 1973. Quatro anos depois, a Resolução n. 59-CONSUNI, o transformou em Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES), abarcando os municípios de Caicó e Currais Novos.

O Plano Diretor sinaliza o que pode ser feito em termos de ocupação de área e como a interiorização da UFRN exige da instituição uma expansão física dos campi, a administração central constituiu comissões para atualizar e elaborar planos diretores dos campi. Estão em andamento os Planos dos campi Macaíba, Santa Cruz e central, esse último em Natal. 

(Sirleide Pereira – Ascom-reitoria/UFRN)

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores