segunda-feira, 28 de julho de 2014

Kimura vence Nordeste Open de Jiu-jitsu pela quarta vez consecutiva

imageA academia Kimura foi a grande campeã da segunda edição do Nordeste Open de Jiu-jitsu 2014, que aconteceu neste final de semana, no ginásio do Sesi, em Natal. Essa é quarta vez consecutiva que os alunos do professor Jair Lourenço levam o para casa o título geral por equipes. A Gracie Barra Parnamirim ficou na segunda colocação, seguida pela Checkmat.

A campeã do evento é conhecida também por revelar grandes nomes do esporte potiguar, como Renan Barão, estrela do UFC. A Kimura foi seguida pela Gracie Barra Parnamirim, maior campeã da categoria absoluto, que lutadores de diferentes pesos se enfrentam, enquanto a Checkmat teve como destaque o atleta potiguar Thiago Barreto, campeão mundial, que venceu quatro categorias na segunda etapa do Nordeste Open.

Durante os dois dias de competição, as arquibancadas do ginásio do Sesi ficaram lotadas de lutadores, familiares e admiradores do esporte. “Foi uma grande felicidade ver o ginásio lotado novamente nos dois dias do evento. Tivemos grandes lutas e o principal foi ver o jiu-jitsu cada vez mais forte e atraindo praticantes de todas as idades e de todas as regiões”, comentou Nivaldo Pereira, organizador do evento.

Além da luta por medalhas e troféus, os lutadores disputaram R$ 30 mil que foram distribuídos nas categorias absolutas. “É uma forma de incentivar ainda mais a disputa. Primeiramente os atletas precisam lutar nas suas categorias, para depois entrar na briga pelo absoluto. Com esse tipo de premiação, a gente está atraindo cada vez mais atletas de fora. Tivemos participantes de todo o Nordeste e também de fora”, destaca Nivaldo.


Atletas já visam terceira etapa

Como principal novidade do ano de 2014, a organização criou um ranking que visa classificar os atletas de cada categoria e, ao final da terceira etapa, certifica os seus líderes dando visibilidade ao atleta e garantindo uma premiação especial. “O ranking acirrou ainda mais as disputas. Os lutadores estão fazendo as contas e acreditamos que a terceira etapa, que acontece no fim de ano, será a mais disputada e a com maior número de participantes do ano”, destaca Pereira.

Em todas as edições o evento seguiu todas as normas técnicas e de segurança, estabelecidas no Livro de Regras da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJ). A arbitragem foi comandada pelo cearense Álvaro Fontes, árbitro de nível internacional. Para os atletas, assistência médica em período integral com socorristas e um médico de plantão, além de uma ambulância equipada com desfibrilador e atendimento emergencial à disposição. Para outras informações: www.nordesteopenjj.com.br, Facebook/nordesteopenjj, Instagram (@nordesteopenjj) e Twitter (@nordesteopenjj).

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores