quarta-feira, 8 de julho de 2015

Rio Grande do Norte foi a porta de entrada do Brasil para 38 mil turistas estrangeiros

imageO número representa 0,6% dos 6,4 milhões de visitantes internacionais que entraram no país em 2014, revela estudo do Ministério do Turismo

A quantidade de estrangeiros que entrou no Brasil pelo Rio Grande do Norte passou de 35.888 em 2013 para 38.014 no ano da Copa do Mundo, um crescimento de 5,9%. A Europa permaneceu como o principal polo emissor para o estado potiguar. O velho continente foi responsável por 93,5% (35.660 pessoas) do total de visitantes internacionais que desembarcaram no RN.

Dos 38 mil estrangeiros que entraram no Brasil pelo Rio Grande do Norte, 36.885 (97%) chegaram de avião. A via marítima, por sua vez, apresentou o maior crescimento. Em 2013 apenas 390 pessoas chegaram de navio. No ano passado, a quantidade praticamente triplicou (1.129). O estado potiguar permanece na 13ª colocação entre os estados que mais recebem visitantes internacionais.

“Temos um enorme potencial ainda por ser explorado. Se liberarmos os vistos para mercados prioritários, melhorarmos a infraestrutura e qualificarmos os nossos serviços podemos gerar ainda mais empregos e renda para o Brasil por meio do setor”, afirmou o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

O crescimento de 5,9% ficou abaixo dos 10,6% registrado em nível nacional.

Henrique Eduardo Alves reforça que a construção do aeroporto Governador Aluízio Alves irá ajudar a melhorar esse quadro nos próximos anos, mas que o estado deve investir mais em promoção e estruturação de seus atrativos turísticos.

“Tivemos uma vitória com o aeroporto Governador Aluízio Alves, que hoje é um dos mais modernos do país, com capacidade para receber seis milhões de passageiros por ano. Com esse aeroporto, agora ainda temos a possibilidade de receber um centro de conexões internacional, o que vai elevar ainda mais nossa competitividade frente a outros destinos”, concluiu Alves.

Em 2014, 6.429.852 turistas internacionais visitaram o Brasil, 616,5 mil a mais que em 2013. A Argentina continua em primeiro lugar da lista de emissores, com 1.743.930 turistas, seguida dos Estado Unidos (656.801).

São Paulo, por onde entraram 2.219.513 visitantes, permanece como a principal porta de entrada do país. O Rio de Janeiro, segundo lugar na lista de receptivos (1.597.153), registrou o maior aumento absoluto na entrada de turistas estrangeiros, com 389.353 pessoas a mais que 2013. Um incremento de 32,2% para o período.

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores