sexta-feira, 24 de julho de 2015

Justiça na Praça: casamento comunitário une 71 casais em Serra de São Bento

A celebração de um casamento comunitário formalizando a união de 71 casais marcou o início oficial da 41ª edição do programa Justiça na Praça, realizado hoje (24) na comarca de Serra de São Bento, município a 120 km de Natal. A celebração foi presidida pela juíza Fátima Soares e teve o apoio de cartórios da região, os quais cadastraram, previamente, 59 noivos que residem na Serra e mais 12 vindos da cidade vizinha de Monte das Gameleiras.

Dentre os casais que disseram o “sim” perante a juíza, estavam Mário Cardoso de Lima, agricultor aposentado, e Luzia da Conceição, dona de casa, ambos com 74 anos de idade e juntos há 54 anos. Para ele, que nasceu no mesmo dia da esposa, a mesma data de nascimento é uma prova que nasceram para serem casados. “Tenho a benção de ter ela como minha companheira. É muito bom ter uma mulher como ela pra vida toda”, disse o aposentado, em tom de empolgação, pouco antes de dizer o ‘sim’ diante de outros casais mais jovens.

Foi o caso de outro agricultor, Sérgio Raimundo Lucena, 26 anos, que oficializou sua recente união com a professora Sandrielha Ferreira, 24. Juntos há oito meses, a gratuidade da cerimônia, proporcionada pela parceria entre o Judiciário e cartórios, foi um dos fatores que motivaram a decisão. “Já estávamos pensando nisso e a gratuidade permitiu que o passo fosse dado”, disse o noivo, que também foi motivado pela mesma decisão da prima dele, Fabíola Barbosa, pedagoga, que oficializou a união com o construtor Carlos Beltrão.

“Aproveitamos que amigos e parentes fariam o mesmo e estariam presentes para dar esse passo”, comentou Carlos, enquanto se dirigia ao cartório para fazer a assinatura no registro civil de casamento.

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores