terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Raimundo Fernandes defende providências urgentes para abastecimento de São Miguel

Crédito da foto: Eduardo Maia
O deputado Raimundo Fernandes (PROS) manifestou esta tarde a sua preocupação com o abastecimento de água para a população de São Miguel, na região Oeste, e pediu providências urgentes do governo do Estado para revolver o problema.
“Recebemos hoje um comunicado lá de São Miguel, informando que o açude do Bonito entrou em colapso e não tem mais condições de atender à população. O governo do Estado precisa tomar medidas emergência para que o povo não sofra mais do que está sofrendo. Não adianta esperar pelo governo federal nem pela próxima administração estadual. O problema tem que ser resolvido agora”, afirmou.
Ele disse que alguns caminhões pipa, que são poucos, estão levando água da barragem de Santa Cruz, para abastecer a cidade. Afirmou ainda que as famílias estão pagando 60 reais para ter água em casa. “As pessoas estão comprando água mineral até para tomarem banho. Isso não poderia acontecer”, acrescentou.
Raimundo Fernandes afirmou que a CAERN tem uma situação, com capacidade de investimento e por isso está encaminhando requerimento solicitando do presidente da Companhia as providências urgentes. “O problema maior é que às vezes a gente chega para conversar com o governo e o governo diz que vai falar com o Exército, com o governo federal. A conversa agora é emergencial e tem que ser resolvida agora”, disse.
O deputado foi aparteado pelo colega Gustavo Carvalho (PROS) que se solidarizou com o pronunciamento, afirmando que a população do Alto Oeste está sofrida, principalmente a de São Miguel. “O abastecimento está numa situação imoral. Tem que haver força tarefa da secretaria de Recursos Hídricos e da Caern e vontade política para resolver o problema. Com mais alguns dias aquele povo vai ficar sem nenhum abastecimento”, asseverou.

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores