quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Festa Natalina do Hospital Severino Lopes chama a sociedade a inclusão

Momentos de confraternização natalina e celebração em família em mais um fim de ano. O que para muitos faz parte da rotina do mês de dezembro, para os portadores de transtornos mentais e

dependentes químicos é um evento bastante significativo de união e inclusão social. É com esse objetivo de integrar os pacientes à sociedade e fortalecer os laços familiares que o Hospital Severino Lopes (antiga Casa de Saúde de Natal) promove, nesta quinta-feira (18-12), a partir das 14h, sua festa de Natal.

O evento reúne cerca de 400 pessoas entre familiares, usuários e funcionários numa grande celebração com direito a show da cantora Potiguar Cristiane Velassy e apresentação do grupo de musicoterapia da instituição.

Consta, ainda, da programação, apresentação do coral natalino dos usuários e distribuição de presentes arrecadados pelo setor de serviço social.

Apesar das dificuldades enfrentadas pelo segmento, a mensagem é de alegria e superação. Segundo a psicóloga Sandra Uchoa a data já é uma tradição na instituição, sendo aguardada com muita
expectativa pelos usuários que se envolvem com ensaios do coral, com a confecções dos enfeites e brindes natalinos.
"Para nossos usuários é muito mais que uma festa, significa a oportunidade de  se envolver  nas  atividades coordenadas pelo setor de psicologia, musicoterapia, terapia ocupacional e educação física que contribuem para o adesão ao tratamento hospitalar, melhoram a qualidade de vida e autoestima.", comentou Uchoa.
Na foto ao lado as lembrancinhas para festa confeccionadas pelos usuários e a Terapia Ocupacional utilizando material reciclado.

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores