terça-feira, 16 de junho de 2015

Ex-presidente da Câmara Municipal de Jardim do Seridó morreu na capital do Estado

imageFaleceu nesta terça-feira (16) em Natal, onde estava residindo ultimamente em razão de tratamento de saúde, o senhor Geraldo Alves da Fonseca, conhecido por Geraldão, filho natural de Jardim do Seridó. Geraldão era tenente da reserva da polícia do Estado de São Paulo.    

Quando passou para a reserva retornou a residir em Jardim do Seridó, onde foi vereador, tendo sido presidente da Câmara Municipal de Vereadores de 1º de abril de 1979 a 27 de fevereiro de 1981, dando um novo direcionamento jurídico ao Poder Legislativo.

Geraldo Alves foi por muitos anos, Tesoureiro da Irmandade de São Sebastião e Nossa Senhora do Rosário. Era neto de José Dantas, o antigo Rei Perpétuo da Irmandade. Por sinal, a Irmandade convida seus membros a se fazer presentes uniformizados para participar do seu sepultamento. Geraldão também foi funcionário da Medeiros S/A Indústria e Comércio, onde atuou por diversos anos.

Morando em São Paulo, o ex-presidente da Câmara Municipal, Geraldão, além de ser policial, nas horas vagas ainda era taxista. Inclusive, no período de férias trazia carros novos, dirigindo de São Paulo a Natal para as revendedoras autorizadas. Segundo consta, era um homem muito empreendedor e deixa relevantes serviços prestados a sua terra.

O sepultamento de Geraldo Alves da Fonseca será aqui em Jardim do Seridó, nesta quarta-feira (17), a partir das 8 horas da manhã, com missa de corpo presente na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição. O corpo será velado, a partir da noite desta terça-feira (16), no Edifício Vereadora Miquelina dos Santos Medeiros, prédio da Câmara Municipal de Jardim do Seridó.

Com informações de Sebastião Morais

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores