sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Aula Magna será transmitida ao vivo para polos EaD no RN

(Sirleide Pereira – ASCOM-Reitoria/UFRN)
A aula magna do segundo semestre de 2014 da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) será na próxima quarta-feira, 27, com o professor e teólogo Frei Leonardo Boff, sobre “Ecologia e o papel da universidade no mundo contemporâneo”. O evento será no auditório da reitoria, a partir das 9h, com transmissão ao vivo, por meio de webconferência, para oito polos de educação a distância (EaD) da UFRN no interior do Rio Grande do Norte. O público também dispõe de telões em mais cinco auditórios do campus central da UFRN, em Natal, e um na Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), no Campus Macaíba, para recepção da conferência.

Locais onde haverá transmissão /recepção da conferência:

Polo EaD de Caicó;
Polo EaD de Currais Novos;
Polo EaD de Macau;
Polo EaD de Nova Cruz;
Polo EaD de Santa Cruz;
Polo EaD de Martins;
Polo EaD de Caraúbas;
Polo EaD de São Gonçalo do Amarante.
Demais auditórios no Campus central da UFRN:
Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), em Macaíba, 130 lugares;
Auditório do Nepsa  (CCSA), 120 lugares;
Anfiteatro A (CCET), 120 lugares;
Anfiteatro B (CCET), 120 lugares;
Anfiteatro das aves (CB),100 lugares;
Anfiteatro F (ECT), 160 lugares.
Autógrafos e cumprimentos

Após a aula magna, Leonardo Boff estará autografando suas obras. Para tanto, haverá uma área reservada para a venda da bibliografia do conferencista, assim como para a seção de autógrafos, cumprimentos ao
autor e o serviço da imprensa. O atendimento a imprensa pode ser combinado diretamente com o Professor no endereço <lboff@leonardoboff.com>

O conferencista

Conhecido pela sua história de defesa das causas sociais, o teólogo brasileiro, escritor e professor universitário, Leonardo Boff (pseudônimo de Genézio Darci Boff), fará 76 anos em dezembro deste ano. Natural de Concórdia, Santa Catarina, Leonardo Boff fez seus estudos em Munique, na Alemanha, e se tornou um expoente da Teologia da Libertação no Brasil. Mantém a ONG Serviço de Educação e Animação Popular (SEOP), em Petrópolis, no Rio de Janeiro, chamada popularmente de “diplomacia popular”. Boff destina parte dos direitos autorais de sua produção científica, palestras e conferências à ONG, que recebe, também, estudantes estrangeiros para prestação de serviços voluntários às comunidades carentes. O convidado para a aula magna da UFRN publicou 60 obras e, atualmente, se
dedica às questões ambientais, tema sobre o qual escreve e lançou vídeos sobre ecologia.Mais informações acessar <http://leonardoboff.wordpress.com/

Receba as notícias do Blog por email

Seguidores